top of page
  • Foto do escritorMariana Reis

Como foram feitas as atividades do Dia Internacional da Mulher?

Nesse post, teremos um passeio pelo Recanto Tia Marlene. Cada sala adotou uma atividade diversificada para ensinar sobre esta data. Cada professor escolheu uma estimulação diferente para executar com os atendidos.



Para iniciar essa conversa, vamos abordar a oficina Recriar. Aqui estão os atendidos com idade mais avançada do Recanto. É a sala que atende crianças com mais de trinta anos. A responsável pela sala, professora Eliete, trouxe uma ideia delicada e útil como lembrancinha. Com uma lixa de unha, o atendido levou uma flor para casa.


Durante a atividade Eliete e sua auxiliar Edna estimularam principalmente o movimento de pinça dos atendidos. Esse estímulo é importante, pois é através dos dedos indicador e polegar que está a base de nossa coordenação motora fina. Repare na quantidade de movimentos que você faz ao pegar um objetivo. A pinça precisa estar aperfeiçoada para que os movimentos das mãos sejam firmes e delicados.





Para continuar, vamos comentar sobre o presente que a professora Lélia, a auxiliar Gabriela e algumas componentes da equipe técnica ganharam do atendido José Miqueias!



É gratificante quando eles percebem a importância que temos em suas vidas!



Outra sala que procurou estimular a coordenação motora fina de seus atendidos foi o Criando Asas 2.


Diretos e espertos, as crianças moldaram uma casinha com palitos de sorvete, decorando com miçangas brilhantes e cores vibrantes!


Sem perder tempo, já direcionaram o presente para as mamães!









A sala da professora Renata e da auxiliar Amanda buscou estimular a sensibilidade das crianças.




Alguns atendidos, como por exemplo os autistas, podem apresentar sensibilidade tátil, o que significa que tendem a ser hipersensíveis aos estímulos relacionados ao toque. Dessa forma, trabalhar com dessensibilização em sala de aula ajuda a criança e diminuir a agonia que sente ao tocar texturas diferentes. A tinta guache é uma ótima ferramenta para esse tipo de estimulação e as meninas capricharam!






Já a oficina Arte de Criar investiu na decoração. Os cuidadores Mariane e Evandro auxiliaram as crianças a pintarem e colarem imagens lindas, criando quadrinhos decorativos maravilhosos!





O Criando Asas 1 fez um pouquinho diferente. As crianças foram incentivadas a usarem a criatividade para criar pulseiras, as quais foram entregues as mamães no fim do atendimento! Com muito uso do movimento de pinça, a motricidade fina foi fortalecida!






Por fim, a sala da professora Tatiane e da auxiliar Luana juntou tudo em uma atividade só! As crianças se divertiram imensamente criando um buquê de flores a partir do formato de suas mãos! Carimbando as mãos no papel, as professoras exigiram o uso da tesoura e cada atendido se esforçou para recortar o mais detalhado possível. No fim, o resultado foi esplêndido!



 


Doe para o Recanto Tia Marlene!

Nós precisamos de sua ajuda para continuar oferecendo atividades qualificadas, adaptadas e de extrema importância para os atendidos do Recanto Tia Marlene.



PIX AFUPACE: Aponte a câmera de seu banco e faça uma doação!

Gostou desse post? Compartilhe para que mais pessoas possam conhecer nossa luta pela inclusão de pessoas deficientes!

14 visualizações

Comentarios


bottom of page